Tatuagens de segurança ganham espaço entre pessoas com problemas de saúde (http://aliadoss.com.br/newsletter/)

0

O desenho ajuda na hora de um atendimento médico. ‘Mais Você’ mostra história de tatuador de Santa Catarina que não cobra pelo serviço

Muitas pessoas têm alergias sérias, doenças graves e algumas até precisam de marca-passo, aquele equipamento usado por quem tem problema cardíaco. Mas quando surge uma situação de emergência e o profissional de saúde não sabe dessa informação, aí pode ser um problema. Só que existe um jeito mais fácil de fazer essa identificação: a tatuagem de segurança.

Em Santa Catarina, o Mael, que trabalha como tatuador há oito anos, começou a fazer tatuagens de segurança há um mês. A iniciativa dele fez sucesso nas redes sociais e, hoje, são mais de 30 pessoas na fila para fazer a tatuagem. Mael não cobra nada pelo serviço, mas pede que os clientes doem alimentos para que sejam dados a famílias carentes.

Fonte: gshow

Compartilhe.

Comments are closed.